Um olhar para trás aos anos dourados do surf, a década de 1930, em Waikiki Beach, Hawaii. Uma viagem ao tempo e aos ancestrais do nosso esporte, na qual a maior estrela é o cão Night Hawk, que rouba a cena de seu dono Philip Auna.

Se não tivéssemos a herança de uma época mágica como esta, qual seria o conceito de radicalidade hoje em dia? Época em que surfar na mesma prancha que uma garota em trajes de banho, era considerado uma “façanha perigosa”.

Um filme de FX Blues Video Cubbyhole.

Cão NIght Hawk e seu dono Philip Auna, Anos 30, Waikiki, Hawaii. Foto: Reprodução / FX Blues Video Cubbyhole.

Cão NIght Hawk e seu dono Philip Auna em total sintonia no Hawaii dos anos 30. Foto: Reprodução / FX Blues Video Cubbyhole.